Vinho

Café

  • O paladar é um assunto muito particular. Cada pessoa possui seu próprio gosto, mas ele também pode ser treinado de acordo com o que é ingerido pela pessoa.

    E, uma vez que o paladar reconhece certos sabores e se acostuma, ele não retrocede. Nosso paladar é composto de “gostos básicos”, são eles: doce, amargo, ácido/azedo e salgado, e o não muito comentado, umami.

    Harmonizar é buscar o equilíbrio ou o complemento entre os sabores dos alimentos e bebidas que vamos consumir. Entenda alguns conceitos básicos de harmonização e encontre um caminho agradável para o seu paladar.

  • A harmonização é embasada em dois conceitos: contraste e semelhança. O contraste é feito de forma intuitiva. Costumamos acompanhar alimentos considerados mais “gordurosos” de itens ácidos.

    Já a semelhança são alimentos que podem ser parecidos entre si por fatores diferentes, como cor, olfato, doçura, acidez etc.

  • Algumas dicas de como fazer a harmonização ideal.

    Chocolates brancos

    Vinhos doces brancos

    Chocolates escuros

    Vinhos tintos

    Sobremesa a base de chocolate branco

    Late harvest

    Sobremesa a base de chocolate ao leite

    Vinhos do Porto*

    *Preferência àqueles que tem um nível de açúcar generoso, mas com fruta bem presente.

  • A harmonização do chocolate com vinho nem sempre é fácil de ser feita. Afinal, o chocolate é um alimento com sabor marcante, pode ter alto teor de açúcar e de gordura.

    Todas elas naturalmente sobrecarregam as papilas gustativas, dificultando a harmonização com outros produtos.

    Então, que tal algumas dicas de como fazer a harmonização ideal de vinhos? E tornar esse momento em uma experiência positiva e muito prazerosa, cheia de sabor.

  • • Não devemos harmonizar chocolate com vinhos com muito tempo de guarda/encorpados porque costumam ter muita personalidade e são muito “amanteigados”, dessa maneira o vinho não consegue sustentar o doce e não fazem contraponto. Eles acabam causando aquela mesma sensação de comer uma banana verde (adstringência).

    • Os vinhos fortificados (com maior teor de álcool) acompanham melhor o chocolate. O álcool ajuda a contrabalançar e dar suporte e vida para a untuosidade do chocolate.

    • É sempre importante lembrar que vinho bom é aquele que a gente gosta de beber.

Vinho tinto e chocolate intenso

  • Merlot: esta uva é famosa por ser macia e aveludada. Quando estamos apreciando uma taça deste vinho podemos encontrar ameixas, jabuticabas, especiarias, ervas e até chocolate ao leite.

    Uma boa combinação de chocolate para um Merlot é o chocolate com intensidade de cacau de 60% a 70%.

  • O chocolate branco possui a gordura da manteiga de cacau e a do leite. Um vinho da uva Gewürztraminer que é levemente ácido e adocicado complementa bem.

  • Moscatel: docinha, a casca empresta para o vinho um toque floral, melão, uvas passas e pêssego. Sua acidez combina perfeitamente à baixa graduação alcoólica e alto teor de açúcar.

    Uma combinação perfeita também ser chocolate branco. Uma dica: colocar algumas pitadas de açafrão ou curry no chocolate. Este tempero realçará ainda mais o perlage (borbulhas) da espumante.

  • Essa harmonização já é mais comum e agrada a muitos paladares. Um cafezinho preto, com chocolate, combina de diversas formas. Conheça um pouco sobre os tipos de grãos de café que temos no Brasil.

Cafés tradicionais

  • São aqueles constituídos com máximo de 20% em peso de grãos com defeitos pretos, verdes e ardidos, admitindo-se a utilização de safras passadas de cafés verde claros com qualquer bebida.

    Recomenda-se evitar a presença de grãos pretos-verdes ou fermentados. Permitido: Blend de Arábica e Robusta

  • Café de alta qualidade e exclusivo. Possui sabor mais acentuado, intenso com um envolvente aroma e gosto equilibrado.

    São levemente adocicados e deixam um gosto muito agradável e prolongado.

    São feitos geralmente com grãos 100% arábica.

  • Segue a mesma linha que o Café Gourmet, a diferença é que o café deve ter 0% de defeitos. Para ser um café especial precisa receber uma classificação acima de 80 pontos.

    Também poderíamos ainda falar de algumas variedades de cafés e suas características. E das diferentes torras que também trazem aromas e sabores distintos e que são importantes em uma harmonização.

Mas brincar com cafés e chocolates pode ser bem mais simples. Por semelhança pensamos logo em um café preto (coado, expresso etc.) com um chocolate intenso.

Alguma vez você já comeu um delicioso chocolate ao leite com café preto? Ou até mesmo um chocolate branco com café? Percebeu como a presença do leite destes chocolates transforma o café?

Da mesma forma o contrário, um café com leite com chocolate intenso minimiza o dulçor e traz mais potência de sabor para o seu café.

Este é um mundo de possibilidades infinitas e com opiniões distintas para cada pessoa. Mas, no mínimo, será divertido ver as caras e bocas de quando o resultado dá certo ou não.

Harmonize sem medo de ser feliz.

Harmonização
Harmonização
Gostou das dicas? Que tal começar a harmonizar:
  • PROMO Desconto Cacau Lover
  • PROMO Desconto Cacau Lover